top of page
Abstract
  • Eng. Edson Junior

Muitos proprietários de imóveis cometem alguns erros muito graves! Será que você também? Confira!

Ter um imóvel próprio oferece uma sensação de estabilidade e segurança que é incomparável. Além de proporcionar um lugar para chamar de lar, a posse de um imóvel representa um investimento sólido e duradouro no futuro, oferecendo uma base para construir memórias, estabelecer raízes e alcançar objetivos pessoais e familiares. A propriedade também traz consigo uma sensação de autonomia e liberdade, permitindo personalizar e adaptar seu espaço de acordo com suas necessidades e preferências. Além disso, ter um imóvel próprio é muitas vezes considerado um marco de conquista pessoal e financeira, representando estabilidade financeira e independência. Com certeza esse é um dos sonhos mais frequentes que existem, mas, sem os cuidados fundamentais no momento de adquirir seu imóvel, você pode entrar em uma enrascada.


imagem ilustrativa: interior de uma casa

Um dos maiores erros que um proprietário pode cometer ao adquirir seu imóvel é não verificar o nome registrado na matrícula. Isso, pois, a única forma de comprovar quem é o verdadeiro proprietário de um imóvel é analisar sua Matrícula Imobiliária. O nome que estiver registrado nesse documento é o verdadeiro dono do imóvel! O problema que muitos cometem é: ao adquirir imóveis, se você não alterar o nome do proprietário na Matrícula, você não é o dono! Nenhum outro documento consegue comprovar a posse de forma simples e clara. Seja IPTU, contrato de compra e Venda... Apenas a matrícula.


A matrícula imobiliária é um documento essencial no contexto do direito imobiliário, pois, representa o registro oficial de um imóvel junto ao Cartório de Registro de Imóveis. Essa matrícula contém informações detalhadas sobre a propriedade, incluindo sua localização, dimensões, limites, características físicas e jurídicas, bem como histórico de transações e ônus que possam incidir sobre o imóvel, como hipotecas, penhoras ou servidões. Ter acesso à matrícula é fundamental para verificar a situação legal do imóvel, garantindo segurança nas transações imobiliárias e facilitando processos de compra, venda, financiamento ou regularização.

Mesmo a Matrícula sendo um documento tão importante, ainda assim, muitos proprietários cometem o grave erro de não conferir as informações e, esse erro, é mais comum do que se imagina! Se você comprou o terreno há anos e nunca verificou, talvez esse seja seu caso. Se você reside em um imóvel, cujos antigos donos já estão falecidos, ou se está no nome do antigo proprietário, é o mesmo problema.

imagem ilustrativa: documentos

O nome do proprietário atual necessita estar na matrícula. Mas, e se não estiver? Nesse caso, você deve iniciar o processo para correção o mais rápido possível e realizar a transferência do documento para o seu nome. Caso contrário, podem surgir dores de cabeça futuras que serão somente resolvidos em processos judiciais que podem durar décadas!!


Para que correr risco?


Podemos resolver qualquer problema com seu imóvel, modificar o nome registrado e garantir que você não sofra as consequências no futuro! Clique no link abaixo para enviar uma mensagem e vamos conversar a respeito.








0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Commentaires


bottom of page